-translate


Quinta-feira, 29 de Junho de 2006

Suave despertar

Olhei o teu rosto

Adormecido, sereno.

Aproximei-me em silêncio,

Descalcei os chinelos da luz,

Despi as calças das janelas

E a camisa da porta…

 

E entrei no teu sonho

Suavemente...

 

Aguardavas-me com um sorriso

Os teus braços

Esperavam o meu corpo

As tuas mãos,

A minha pele.

Os teus lábios,

O sabor dos meus…

 

Fui-te despertando,

Como quem colhe uma papoila

No inicio do raiar do sol,

Ainda com gotinhas de orvalho…

 

Com o som

Dos últimos acordes da lua,

Que adormecia...

 

 Juntos…

Iniciámos o dia…

suspirado por arco e flecha às 02:59

link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Ahlka a 29 de Junho de 2006 às 10:10
Sinto-me quase num templo, onde a minhas palavras vão ecoar, retirando a magia do ambiente...mas não resisto e digo baixinho : Este mesclado de sonho e real é delicioso :)
De minizinha a 30 de Junho de 2006 às 13:04
até despertei para a vida com as tuas palavras.
:)

Beijokinhas
De Lu Rosário a 1 de Julho de 2006 às 04:44
Lindo este poema e aí eu tenho vontades de ter o meu amor ao meu lado para quando eu acordar de manhã senti-lo pertinho de mim...beijoks!

Comentar post

-Olhares...

Foros GratisHostingphp nukeAnuncios Clasificados GratisLibreria

-Passeios...

online

-ultimos rabiscos

- Bailados surdos...

- E porque o Ontem... cont...

- amanheceres...

- Moldes...

- ...

- Transpiro...

- schhhhhh...

- O véu...

- A espuma das sensações

- Néctar

-suspiros que dei

- Novembro 2011

- Março 2010

- Janeiro 2009

- Outubro 2008

- Agosto 2008

- Maio 2008

- Março 2008

- Fevereiro 2008

- Janeiro 2008

- Outubro 2007

- Agosto 2007

- Junho 2007

- Maio 2007

- Abril 2007

- Março 2007

- Fevereiro 2007

- Janeiro 2007

- Dezembro 2006

- Novembro 2006

- Outubro 2006

- Setembro 2006

- Agosto 2006

- Julho 2006

- Junho 2006

- Maio 2006

- Abril 2006

- Março 2006

- Fevereiro 2006