-translate


Quinta-feira, 29 de Março de 2007

O olhar

 

 

No ninho que é o teu corpo,

 Encontro a vontade de querer estar

 

No teu olhar procuro as respostas,

Que os meus olhos questionam

E que os teus tentam esconder

 

Nos teus lábios tensos,

Guardo a suavidade dos meus

Ansiosos por tocá-los,

Tal pétalas de uma flor exótica

 

Nas tuas mãos quentes,

Surpreendidas de um toque,

Seguro a ternura e o desejo

De quem quer bem

 

Levanto o meu olhar,

Deito-o no teu…

Aguardando serenamente,

O momento....

                                  Que se segue!

 

 

suspirado por arco e flecha às 16:51

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 20 de Março de 2007

É na madrugada

 

É na madrugada

Que os sons se tornam límpidos

Que as luzes se tornam opacas

E os cheiros se intensificam

 

É na madrugada

Que os toques se confundem

Que os sonhos se misturam

E os quereres surgem…

 

É na madrugada

Que adormeces suave

E estremeces agitado

 

É na madrugada

Que a noite se faz dia…

E a lua, pelo sol é amada

Em danças de fantasia

 

suspirado por arco e flecha às 04:32

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Segunda-feira, 12 de Março de 2007

Abraço...

 

Abre os teus braços

Deixa que me aninhe para ouvir o vento,

E o som da noite...

Molda-os, para que não caia!

 

Deixa que me sinta segura

Pequenina…

 

Quero ouvir o som do bater do teu coração

Para que o meu serene

Deixa que o calor do teu corpo

Afaste o frio que tenho

 

Permite que os teus dedos

Me limpem o rosto,

Das lágrimas de dias sem sol

 

Canta-me canções de embalar

Onde os sonhos e risos se misturem

Os dedos se entrelacem

E os olhares se segurem…

 

 

suspirado por arco e flecha às 01:37

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 6 de Março de 2007

Momento 3

 

Amanheço com cores do nascer do sol

e suspiros pausados de brisas sem fôlego

Como um mar e um rio que se juntam

num turbilhão de correntes que nos arrastam

 

Procuro-te,

nas águas calmas

de um rio

Encontro-te…

nas ondas fortes

de um mar agitado

 

Escondo

o olhar de mel

na palma da mão que se estende

Descubro

a meiguice, o desejo

num corpo de fogo…

que me prende

 

suspirado por arco e flecha às 14:18

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

-Olhares...

Foros GratisHostingphp nukeAnuncios Clasificados GratisLibreria

-Passeios...

online

-ultimos rabiscos

- Bailados surdos...

- E porque o Ontem... cont...

- amanheceres...

- Moldes...

- ...

- Transpiro...

- schhhhhh...

- O véu...

- A espuma das sensações

- Néctar

-suspiros que dei

- Novembro 2011

- Março 2010

- Janeiro 2009

- Outubro 2008

- Agosto 2008

- Maio 2008

- Março 2008

- Fevereiro 2008

- Janeiro 2008

- Outubro 2007

- Agosto 2007

- Junho 2007

- Maio 2007

- Abril 2007

- Março 2007

- Fevereiro 2007

- Janeiro 2007

- Dezembro 2006

- Novembro 2006

- Outubro 2006

- Setembro 2006

- Agosto 2006

- Julho 2006

- Junho 2006

- Maio 2006

- Abril 2006

- Março 2006

- Fevereiro 2006