-translate


Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2008

Reenicio

Senti a chuva no meu rosto,
 como se de uma caricia tua se tratasse
 Respirei o ar molhado,
de uma saudade
que teima em manifestar-se
Falta-me o calor de uma estação
 que corre como um rio,
em que as margens adormeceram
 no embalo  suave das águas...
Mas agora... é hora de despertar!
suspirado por arco e flecha às 03:39

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

-Olhares...

Foros GratisHostingphp nukeAnuncios Clasificados GratisLibreria

-Passeios...

online

-ultimos rabiscos

- Bailados surdos...

- E porque o Ontem... cont...

- amanheceres...

- Moldes...

- ...

- Transpiro...

- schhhhhh...

- O véu...

- A espuma das sensações

- Néctar

-suspiros que dei

- Novembro 2011

- Março 2010

- Janeiro 2009

- Outubro 2008

- Agosto 2008

- Maio 2008

- Março 2008

- Fevereiro 2008

- Janeiro 2008

- Outubro 2007

- Agosto 2007

- Junho 2007

- Maio 2007

- Abril 2007

- Março 2007

- Fevereiro 2007

- Janeiro 2007

- Dezembro 2006

- Novembro 2006

- Outubro 2006

- Setembro 2006

- Agosto 2006

- Julho 2006

- Junho 2006

- Maio 2006

- Abril 2006

- Março 2006

- Fevereiro 2006