-translate


Quarta-feira, 22 de Outubro de 2008

Moldes...

 

          

       

 

Descanso no teu corpo como quem mata a sede...

Alimento-me nele,

 como planta que recebe seiva de uma floresta

 Moldo-me,

como metal fundido

nas formas que me dás...

 

suspirado por arco e flecha às 03:55

link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De João a 17 de Novembro de 2008 às 16:23
Das coisas mais gratificantes que eu posso obter numa perfeita e harmoniosa fusão de corpos é de uma sensação de paz interior indescritivel... que melhor existe mesmo que aqueles ternos momentos de cumplicidade, feitos de gestos, tactos e odores que nos transmitem tanta paz interior e nos colocam nas nuvens mais altas e nos fazem sentir tão pequenos e tão bem de alma...
De NancyLix a 14 de Dezembro de 2008 às 10:39
Ganhaste o Prêmio Dardos. Acesse:

http://cantosredondos.blogs.sapo.pt

Comentar post

-Olhares...

Foros GratisHostingphp nukeAnuncios Clasificados GratisLibreria

-Passeios...

online

-ultimos rabiscos

- Bailados surdos...

- E porque o Ontem... cont...

- amanheceres...

- Moldes...

- ...

- Transpiro...

- schhhhhh...

- O véu...

- A espuma das sensações

- Néctar

-suspiros que dei

- Novembro 2011

- Março 2010

- Janeiro 2009

- Outubro 2008

- Agosto 2008

- Maio 2008

- Março 2008

- Fevereiro 2008

- Janeiro 2008

- Outubro 2007

- Agosto 2007

- Junho 2007

- Maio 2007

- Abril 2007

- Março 2007

- Fevereiro 2007

- Janeiro 2007

- Dezembro 2006

- Novembro 2006

- Outubro 2006

- Setembro 2006

- Agosto 2006

- Julho 2006

- Junho 2006

- Maio 2006

- Abril 2006

- Março 2006

- Fevereiro 2006